Conhece os seus inimigos microscópicos!

Neste Blogue vamos apresentar-lhos, um a um, e contar-lhe tudo o que podem fazer “contra” a sua qualidade de vida… Mas se estivermos informados sairemos triunfantes do confronto com estes minúsculos e irritantes seres. E além de ganharmos em saúde, ainda nos podemos divertir com as “histórias” curiosas destes queridos inimigos …

 O que é uma reação alérgica?

Uma reação alérgica acontece quando ficamos expostos a determinadas proteínas, como por exemplo os aeroalérgenos, que são substâncias presentes no ar e que causam reações inflamatórias em indivíduos suscetíveis.

Os principais alérgenos presentes no ar são os alérgenos dos ácaros, dos animais de estimação e do pólen, além dos mofos. (veja a descrição mais detalhada noutro texto).

E além destes alérgenos, há ainda outras substâncias que podem ser irritantes a ponto de agravar processos inflamatórios, como é o caso do ar gelado, dos odores fortes e do ozono. No caso deste gás, ele não está presente apenas na camada atmosférica que protege a Terra dos raios ultravioleta, mas também no ambiente em que vivemos, podendo causar danos irreversíveis nos pulmões, além de desencadear crises asmáticas.

Tipos de alergias

De forma resumida, podemos dizer que a rinite alérgica se caracteriza pela inflamação nasal, após a exposição aos alérgenos. Já a asma é uma doença inflamatória crónica que leva à obstrução das vias respiratórias.

Estudos mostram que a rinite alérgica precede frequentemente a asma, pois aproximadamente 38% dos indivíduos com rinite também sofrem de asma.

No caso da sinusite, pode afirmar-se que é uma doença caracterizada pela inflamação da
mucosa nasal, que leva à obstrução, dor, e sensação de pressão na região dos seios nasais. Pode acontecer devido às infeções por vírus, bactérias, ou reações alérgicas.

 QUER SABER SE É ALÉRGICO? 

 Responda a este questionário:

1) Nos últimos 6 meses observou sintomas tais como espirros, obstrução nasal ou coriza, sem que estivesse constipado?

2) Durante esse período os sintomas nasais vieram acompanhados de olhos irritados e lacrimejantes?

3) Nos últimos 12 meses teve secreções nasais purulentas, acompanhadas de dores de cabeça frontais ou maxilares?

4) Teve sintomas de bronquite no último ano, sem que estivesse constipado?

5) Já teve ataques de falta de ar associados a bronquite?

  • Caso tenha respondido “sim” às perguntas 1 e 2, significa que possui sintomas respiratórios possivelmente associados à rinite alérgica;
  • Se respondeu “sim” à pergunta 3, poderá ser portador de sinusite;
  • E se o seu “sim” foi para as perguntas 4 e 5, poderá ser asmático.

Nota: este teste possui caráter indicativo e não substitui consulta médica.

banner-airfree-ptPowered by Rock Convert