A qualidade do ar tem ligação direta com os problemas respiratórios. Sendo eles: Asma, crises alérgicas, insuficiência respiratória e pneumonia. Esses agravantes traz sintomas inconvenientes, responsáveis pela diminuição da qualidade de vida e até perda de produtividade na escola ou trabalho.

Conselhos para respirar em tempo de incêndios

Continue Reading Conselhos para respirar em tempo de incêndios

Os incêndios florestais são acontecimentos com graves impactos no meio ambiente e na saúde respiratória das populações, exigindo muita atenção, sobretudo a quem sofre de insuficiência respiratória crónica. Portugal é o país da Europa com maior percentagem de mata ardida. Os incêndios são acontecimentos com graves impactos no meio ambiente e na saúde respiratória das populações: degradam a fauna, a flora e os solos; são fortemente poluentes, enviando para a atmosfera milhões de toneladas de gases com efeito de estufa; têm um marcado efeito nefasto sobre a saúde das populações, sobretudo todos aqueles que integram os grupos mais vulneráveis: crianças, idosos, doentes cardiovasculares, todos os que sofrem de doenças respiratórias e os que, no terreno, os combatem. Os efeitos destes incidentes sobre a saúde…

No verão, a saúde respiratória também precisa de cuidados

Continue Reading No verão, a saúde respiratória também precisa de cuidados

O verão é a estação mais querida da maioria dos portugueses. Afinal, o período mais quente do ano combina férias e viagens, o que inclui banhos de piscina, sorvete, bebidas geladas e ar condicionado. Mas o que é prazeroso para muitos, também pode prejudicar a saúde – ainda mais de quem sofre com doenças respiratórias, como a sinusite e a rinite. Veja, no infográfico, alguns pontos a ter em atenção nesta altura do ano, em prol da boa saúde respiratória: Uma dica importante para evitar as crises alérgicas é, além de manter a casa sempre bem limpa, dar uma atenção redobrada à hidratação. Outra dica é realizar lavagens nasais com soro fisiológico, de forma a manter a função adequada de defesa.

Dados sobre a Asma em Portugal

Continue Reading Dados sobre a Asma em Portugal

Atualmente, segundo a Sociedade Portuguesa de Alergologia e Imunologia clínica, há 700 mil doentes asmáticos em Portugal. Do total, 175 mil são crianças e adolescentes A asma pode manifestar-se através de inflamações capazes de condicionar a respiração; pela poeira (ruído que se ouve ao respirar); e ainda pelo aperto torácico. Os ácaros, os pólenes e a alimentação podem ter grande influência no aparecimento de crises asmáticas, bem como o fumo do tabaco, a poluição atmosférica ou até a prática de exercício físico intenso. Como a maioria das doenças crónicas, os gastos com a asma incluem consultas e exames, tratamentos e medicação, com grandes custos para o doente e para o País. Aliás, segundo estudos recentes, a doença não controlada pode gerar o dobro das…