fbpx

Ás compras com sacos reutilizáveis

Super! Hoje (finalmente!) adquiri um saco de compras de material reciclado, com a clara intenção de o utilizar, de facto, nas compras do dia-a-dia! Foi numa grande superfície que o vi, alegre e ecologicamente correto, e logo o trouxe para casa, pela módica quantia de 75 cêntimos…

Nos supermercados não se fala de outra coisa, já antecipando o dia em que os sacos terão de ser pagos!
Depois de o ministro do Ambiente, Jorge Moreira da Silva, ter informado que a partir do próximo ano os sacos de plástico vão passar a custar dez cêntimos, incluindo o IVA, sabe-se que o Governo espera arrecadar sobre a sua venda a bela taxa de 40 milhões de euros anuais.

Estará já decerto a esfregar as mãos de contente, contando com os distraídos ou displicentes que não se previnam antes de ir às compras. Ou mesmo com aqueles que já dizem não lhes fazer diferença pagá-los…Haverá mesmo gente a quem não faça diferença gastar 10 ou 12 cêntimos extra em cada compra de provisões lá para casa? E se forem as compras do mês? Aí, talvez…

A coisa é mais ou menos assim: atualmente os sacos de plástico ou são oferecidos ou custam 2 cêntimos, dependendo das superfícies comerciais.
E a partir de Janeiro custarão 6 vezes mais, ou seja, 12 cêntimos nos espaços onde agora custam 2 cêntimos e 10 cêntimos onde até aí não se pagavam.

Também há mais variantes, e alguns comerciantes dizem não saber ainda o que irão cobrar ou se o irão fazer, manifestando o receio de desagradar aos seus clientes…

Mas será que as pessoas irão ficar “desagradadas”?
Espera-se que não… – pelo menos a partir do momento em que todos tomemos consciência do problema que representam os milhões de sacos descartados todos os dias no Planeta, designadamente quanto aos perigos que agora sabemos existirem a nível dos mares e rios, e do pescado que chega à nossa mesa …

(para mais informações, ver n/ posts de 10 Abril e 4 Setembro).

SOBRE OS TRADICIONAIS SACOS DE PLÁSTICO… 

Destinados ao transporte de pequenas quantidades de alimentos e objetos diversos, os sacosde plástico, introduzidos na década de 1970, depressa se tornaram muito populares, especialmente através da sua distribuição gratuita nos supermercados e outras lojas, representando também uma forma económica e prática de publicidade a esses estabelecimentos.
Os sacos de plástico podem ser feitos de polietileno de baixa densidade, polietileno linear, polietileno de alta densidade ou de polipropileno, polímeros de plástico não biodegradável, com espessura variável entre 18 e 30 micrômetros.
Anualmente, circulam em todo o mundo entre 500 a 1000 bilhões destes objetos, também largamente utilizados no acondicionamento dos resíduos domésticos.
São, no entanto, tão prejudiciais ao meio-ambiente que muitas pessoas têm vindo a reduzir o seu consumo, utilizando, nas compras, sacos reutilizáveis.

QUEM ESTÁ CONTRA…

Entretanto, a Associação de Recicladoras de Plástico (ARP) já criticou a criação de um imposto sobre os sacos de plástico, alertando que a medida, se avançar, obrigará o País a importar “mais matéria-prima virgem” derivada do petróleo.
“Estamos a falar de muitos milhares de toneladas de filme de plástico que deixa de estar disponível no mercado”, disse à agência Lusa o presidente da ARP, Ricardo Pereira, explicando que um decréscimo do consumo de sacos levará, “dentro de um ou dois anos”, a um aumento das importações, quer de resíduos para reciclar, quer de granulados obtidos a partir do petróleo.

***

Entretanto, enquanto 2015 não chega para colocar todos os “pingos nos is”, muitos já aderiram, nas compras do dia-a-dia, aos sacos reutilizáveis que, além de amigos do ambiente são resistentes, laváveis e… bonitos!
O meu novo saco de compras foi uma criação da APED – Associação Portuguesa das Empresas de Distribuição, que tem desenvolvido diversas ações para a reutilização dos sacos no sector da distribuição, com largas vantagens na poupança de recursos naturais.
Composto por 99% de garrafas PET recicladas, está ilustrado com um panda, uma águia, um tigre, um elefante e um hipopótamo, em cores alegres e sorriso que sugere estarem todos…de bem com a vida 🙂
Sobre fundo verde, a mensagem, essa não poderia ser outra:

REUTILIZE ESTE SACO.
A NATUREZA AGRADECE.

MLG

banner-airfree-ptPowered by Rock Convert
Close Menu