VAMOS FALAR DE HEPATITES?

Médicos e figuras públicas, professores de ginástica, modelos… O que os junta a todos na quinta-feira, na Praia da Rainha? Vão a banhos? Não, ainda que um mergulho possa saber bem no final de um dia de trabalho / Programa de ações em que as Hepatites estão em foco.

unnamed

28 é o seu Dia…

Na próxima 5ª feira, 28 de julho assinala-se o Dia Mundial das Hepatites, quetem por objetivo divulgar esta doença à comunidade, para a informar esensibilizar nos seus múltiplos aspetos.Foi em 2010 que a Organização Mundial da Saúde (OMS) instituiu esta data como o Dia Mundial de Luta Contra as hepatites virais.

Todos os anos este dia apresenta um tema diferente. “Proteja o seu fígado, beba com moderação” é o tema do Dia Mundial das Hepatites 2016. A iniciativa da OMS conta com a colaboração da Aliança Mundial das Hepatites (World Hepatitis Alliance), da ELPA (European Liver Patients Association) e, em Portugal, da Direção-Geral da Saúde, que criou em 2015 a Estratégia Nacional para as Hepatites Virais.

Contatámos a Associação SOS Hepatites, na pessoa da sua fundadora e presidente, Emília Rodrigues, que nos respondeu a algumas questões sobre esta doença que mata, anualmente, 1,4 milhões de pessoas…

– De forma genérica, o que é a Hepatite e quais os tipos de Hepatite que existem?

Hepatite é uma inflamação do fígado. A palavra hepatite tem origem no grego hepar, que quer dizer “fígado”, mais itis, termo médico usado para designar “doença inflamatória”. As hepatites podem ser causadas por vírus, medicamentos, abuso de drogas ou álcool, e autoimunes. A hepatite pode ser classificada como:

– Hepatite aguda – Quando o vírus é completamente eliminado do organismo em até 6 meses;

– Hepatite crónica – Quando o vírus permanece no organismo por mais de 6 meses, podendo levar a complicações como cirrose hepática e cancro.

Tipos de Hepatite

– Virais

 Hepatite A; B; C; D; e Hepatite E;

– Não virais

 Hepatite alcoólica;

 Hepatite medicamentosa;

 Hepatite autoimune.

Na grande maioria dos casos, as hepatites virais (Hepatites A, B, C, D e E) não apresentam sintomas e, quando estes aparecem, a doença já está numa fase mais avançada. Os sintomas mais comuns de hepatite são:

– Febre;

– Fraqueza;

– Mal-estar;

– Dor abdominal;

– Náuseas;

– Vómitos;

– Perda de apetite;

– Urina escura;

– Icterícia (olhos, pele e mucosas amarelados);

– Fezes esbranquiçadas.

– E sobre o tratamento e percentagem de cura?

O tratamento da hepatite varia conforme a causa. Repouso, dieta adequada (Hepatite A); suspensão do uso do agente causador (hepatite medicamentosa e alcoólica); corticoides (hepatite autoimune).

Hoje em dia temos novos medicamentos para o tratamento da Hepatite C,sem efeitos secundários para o portador, e que permitem uma taxa de curaentre 95 e 97%.

– Quais os números de óbitos em Portugal? E, sobretudo, em que tipo de Hepatite?

Não temos números concretos, mas estima-se que até 2015 tivessem morrido entre 900 e 1100 pessoas por hepatite C.

– Quanto aos números mundiais?…

A OMS estima que morram anualmente 1,4 milhões de pessoas infetadas,sendo a hepatite B responsável pela maioria, seguidas pelas mortes causadas pela hepatite C, e em terceiro lugar pelo abuso no consumo de bebidas alcoólicas.

– Dos vários tipos de Hepatite, quais podem estar ativos no organismo sem que as pessoas saibam?

As virais, principalmente a C. Esta hepatite pode estar até 40 anos no organismo sem que tenhamos qualquer sintoma. Alguns dos nossos associados são homens que estiveram na guerra do Ultramar e descobrem agora que são portadores. A maioria encontra-se num estádio mais avançado da doença, pois está com cirrose.

– Existe um estigma ligado à doença, certo? Muitas pessoas acreditam que todas as Hepatites decorrem do álcool ou droga?

Sim, ainda existe muita discriminação com as hepatites, nomeadamente a Hepatite C, que é conectada com sexo – álcool – e consumos de droga.

– Que tipos de Hepatite se podem prevenir?

Podem prevenir-se:

– A hepatite A – Com medidas de higiene, nomeadamente a lavagem das mãos e das hortaliças.

– A hepatite B – Tem vacina e transmite-se através de sangue e sexo não protegido.

A hepatite C – Transmite-se através de sangue. Não tem vacina. Meios de transmissão: partilha de escovas e alicates das unhas, escovas de dentes, e material cortante.

No caso de toxicodependência transmite-se na partilha das seringas e detodo o material (caricas, algodão…).

– Hepatite D – Não existe sem a B.

– Hepatite E – Hepatite das carnes mal-cozinhadas, nomeadamente a de porco.

– Hepatite alcoólica e medicamentosa – Não consumindo os fatores de risco: álcool / medicamentos sem receita / drogas.

 

SOBRE A SOS HEPATITES

A SOS Hepatites é uma associação não-governamental e sem fins lucrativos, que tem como principal objetivo a divulgação e a consciencialização da população em geral e dos profissionais da área da saúde para o problema das Hepatites Virais, os seus riscos, formas de contágio, tratamento e prevenção.

Mais informações: http://www.soshepatites.org.pt

https://www.facebook.com/AssociacaoSOSHepatites/?ref=aymt_homepage_panel

***

LOCAL ESCOLHIDO PARA AS COMEMORAÇÕES? A PRAIA! Com a programação da Associação SOS Hepatites para esta 5ª feira, 28 julho, estão agendadas várias ações, a decorrer na Praia da Rainha, Costa da Caparica, entre as 10,00 e as 17,00 horas. Pretende-se, com o apoio da Comunicação social, sensibilizar os portugueses para a importância do rastreio, numa altura em que a própria OMS alerta para a necessidade de controlo das patologias associadas aos problemas do fígado.

Esta divulgação será acompanhada do programa das comemorações:

PROGRAMA 5ª FEIRA, DIA 28…

10,00h – Ginástica na praia com professor especializado

10,30h – Distribuição de material junto da população que for chegando ou

saindo da praia (sacos, folhetos, cremes, etc.) até as 16h00;

14,00h – Médicos e figuras públicas chegam ao local para dar apoio à

iniciativa, e servir de suporte à presença da Comunicação Social;

15,00h – Ginástica na praia com professor especializado;

15,30h – Passagem de modelos;

16,00h – Cerimónia comemorativa do Dia Mundial das Hepatites, em que usam da palavra o Presidente ou Representante da CMA, a Presidente da

SOS Hepatites e o presidente do Conselho Científico da SOS Hepatites.

CONTATOS ÚTEIS:

Telem.: 969 677 151

http://www.soshepatites.org.pt

geral@soshepatites.org.pt

https://www.facebook.com/AssociacaoSOSHepatites/?ref=aymt_homepage_panel

Agradecimentos:

Dra. Emília Rodrigues

Fundadora e Presidente da Direção

Associação SOS Hepatites

Coordenação:

MLG – Comunicação e Serviços

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s