PREVENÇÃO VERSUS MEDICAMENTOS…

O consumo de anti-histamínicos está a aumentar em Portugal! O crescimento foi de mais de 8% no espaço de um ano, o maior entre 6 países europeus… Mas não haverá outras soluções para o problema das alergias?

Um estudo que analisou seis países europeus revela que os portugueses são quem mais consome anti-histamínicos, por “culpa” das alergias…

Espirros, congestão e corrimento nasal, olhos lacrimejantes, entre outros sintomas que trazem mal-estar durante o dia e impedem que se durma bem, à noite, fazem dos anti-histamínicos um alívio procurado pelas muitas centenas de portugueses que sofrem com as alergias… – e não só nos meses de primavera, mas durante todo o ano!

Além de Portugal, a Espanha, Reino Unido, França, Itália e Alemanha foram os países analisados quanto ao consumo de anti-histamínicos.

O nosso país registou um crescimento de 8,2% nas vendas entre maio de 2014 e abril de 2015, num total de 5.627.517 unidades, e um crescimento em valor de 8,1%…

Sem dúvida números bem superiores ao Reino Unido (5%), Espanha (1,76%) e França (0,64%) para o mesmo período, tendo-se contudo verificado uma tendência inversa para a Alemanha (-8,48%) e a Itália (-2,3%).

Prevenir, com redução de custos…

A Airfree tem-se manifestado, desde sempre, sobre a vantagem de prevenir e dar alívio aos alérgicos, poupando ao estado e aos cidadãos altos custos em medicamentos e internamentos…

Isto, inclusive com a proposta, às entidades nacionais competentes, de realizar em unidades hospitalares testes clínicos junto de alérgicos e asmáticos que já tivessem recebido purificadores de ar para os seus quartos de dormir…

A ideia seria a de comprovar a eficácia destes aparelhos na melhoria da qualidade de vida e produtividade destes pacientes, com consequente redução drástica de medicamentos.

Segundo o CEO da Airfree trata-se de uma “solução simples e radical no tratamento das crises de asma e alergias respiratórias: evitá-las, e desta forma poupar centenas de milhões de euros anuais ao Estado e à população.”

Lembramos que os esterilizadores de ar da Airfree destroem os microrganismos que causam as crises de asma a das alergias. Esta tecnologia portuguesa é comprovada na redução de mais de 80% da carga de microrganismos e vírus do ar (o que se pode conferir em testes internacionais, em www.airfree.pt e www.airfree.com) .

Esta entrada foi publicada em Asma. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s